quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Deu pane no automóvel. E agora?


Bem se sabe que os automóveis são, hoje em dia, itens de necessidade e não mais objetos de status, luxo e riqueza. Nos acostumamos de tal foma a eles que fica difícil imaginar hoje em dia o mundo civilizado sem essa genial invenção do senhor Henry Ford. Porém são máquinas e nunca se sabe quando vão falhar (geralmente essas maquininhas falham justo na hora que mais contamos com elas). E aí? Quando um imprevisto acontece, a primeira pergunta que surge é: - E agora? Vou fazer o quê? Pensando nisso vão aí algumas dicas que poderão ser úteis (ou não), com suas devidas referências.

(extraída de http://forum.monzeiros.com/viewtopic.php?f=15&t=1113)

Pára-brisa quebrado - Quando um pára-brisa se quebra, alguns cuidados devem ser tomados. O primeiro passo é remover o vidro quebrado. Para isso, o ideal é forrar o capô e painel com um cobertor ou folhas de jornal, para evitar riscos ou queda de cacos nas entradas de ar. Com a mão protegida (por luva ou pano), bata no vidro com cuidado, de dentro para fora, usando, de preferência, óculos para proteger a vista. Se for trafegar sem o pára-brisa, mantenha todos os vidros abertos (para facilitar o escoamento do ar) e mantenha os ocupantes com a vista protegida, para evitar que cacos ou poeira cheguem aos olhos. Uma solução de emergência é colar, no lugar do vidro, um pedaço de plástico transparente.

(Extraída da seção Carros do Site Globo.com)

Quando se estiver em apuros com um limpador que não funciona, o motorista pode fazer uso de um artifício comum para conseguir a visibilidade suficiente para seguir adiante. Será preciso ao menos dois cigarros. Abra os cigarros e esfregue o fumo na parte externa do vidro, deixando a água da chuva remover naturalmente os fragmentos do cigarro. O fumo vai remover a oleosidade do vidro e assim facilitará a passagem da água que passa a escorrer pelo vidro enquanto proporciona uma boa visibilidade ao condutor.

(Extraídas da página http://www2.correioweb.com.br/cw/EDICAO_20030220/sup_sro_200203_88.htm)

Se durante uma troca de pneu em um piso inclinado o carro escorregar um pouco e o macaco inclinar, pode-se usar o estepe para apoiar a carroceria, retirando o macaco e recolocando-o na adequada posição para a troca.

Caso o limpador de pára-brisa pare de funcionar, vale amarrar suas pontas com um barbante, que será puxado manualmente de dentro do carro. Assim, mesmo que devagar, as palhetas limparão a superfície do vidro.

(Extraído de http://www2.uol.com.br/tododia/ano2003/fevereiro/230203/veiculos.htm)

Alguns automóveis das décadas de 70 e 80, por exemplo, dependem até hoje de platinados em lugar de ignição eletrônica. Sujeito a desgates, o platinado gasta com o tempo e “cola” contato. Para resolver, basta soltar seu parafuso de regulagem, encostar o platinado no ressalto do distribuidor e, entre as duas peças, colocar uma lâmina, como a de uma faca. Aí, deve-se apertar o parafuso e tirar a lâmina que o platinado estará novamente regulado e o motor funcionará. Esses mesmos carros apresentam outro problema crônico: o superaquecimento da bobina. “A melhor saída é envolvê-la em um pano levemente molhado para baixar sua temperatura. Dá para seguir viagem, mas o problema deverá se repetir”, ensina Armando Loureiro Junior, mecânico especializado em automóveis antigos da Oficina Três Amigos, no Rio de Janeiro.

Também encontrei mais dicas em:

http://www.monzaclube.com/fafacil/fafacil_MC_07_macetes.shtml

http://br.geocities.com/cefaneia/carro.htm

http://www.dirigindoseguro.com.br/?p=31

Se você sabe de mais algum macete, nos ensine, coloque nos comentários!

Até o próximo!

2 comentários:

  1. Referente à quebra do parabrisa, a dica fornecida a respeito das janelas não é a correta, é até desaconselhável. O correto é trafegar com todas as janelas FECHADAS; dirigindo, dessa forma, em velocidade superior a 80kmh, nenhuma gota de água atingirá o interior do veículo; ainda mais, somente a primeira metade do capô se molhará! Já passei por isso! É tudo questão de "física". Portanto, quebre e retire todo o vidro com muito cuidado, FECHE todas as janelas e .... vá em frente.

    ResponderExcluir

Google+